domingo, 6 de agosto de 2017

COMPREENDENDO E SUBMETENDO À PALAVRA NA VISÃO DO REINO, SUA VIDA MUDA.

Quando falamos do Reino do Senhor Jesus, falamos de uma questão até então oculta entre as palavras contidas na Bíblia, ou, que já foi até lida, e várias vezes, mas, não vindo o esclarecimento por completo, e sendo assim, a distorção das palavras fica como inevitável.

Assim está escrito: E percorria Jesus toda  Galiléia, ensinado nas suas sinagogas, e pregando o [Evangelho do Reino, (João 1. 14)], e curando todas as enfermidades e moléstias entre o povo. (Mateus 4. 23).

Entendimento para nós: Essa palavra ganha vida para nós, e nos dias de hoje, Jesus [A PALAVRA ], está passando por vários países, estados, cidades, bairros, igrejas, e mais.

Essa palavra quando proferida, trás a existência aquilo que até então não existia. Vem o esclarecimento de que no Reino de Jesus, a Palavra que sai da Bíblia, tem o compromisso de reagir segundo o que foi proferido.

Assim diz o Senhor: Assim será a palavra que sai da minha boca; ela não voltará para mim vazia; antes, fará o que me apraz e prosperará naquilo para que enviei. (Isaías 55. 11).

Quando diz que era para curarmos todas as enfermidades, isso começa por libertá-lo de uma doutrina que até agora só serviu para aprisioná-lo numa igreja; e com a visão do Reino, você passa a servi-lo, com entendimento, isto é: Livre, liberto das doutrinas de homens, mas, ligado numa aliança com o Senhor, e seu Reino.

Tanto que o Senhor pede para curar das moléstias entre o povo. E o que é moléstia? Você entenderá quando souber que um pedófilo, usa de suas habilidades, de seu carisma, e de suas manobras para atingir o seu objetivo, que é trazer a sua presa sob o seu domínio, e manipulando-a para tirar o proveito que assim lhe apraz. 

Trazendo para os dias de hoje, ser curado da moléstia, é ser livre da ação de "pastores", que por aproveitar da ovelha que chega na igreja um tanto desnorteada, sem saber ao certo o que fazer; e, aí, passa ser de uma oportunidade impar, traze-la, ainda que usando da palavra, mas, trazendo para o seu respectivo intento já elaborado, e para isso, não-os adverte como deveriam, não traz a correção pela palavra, por medo de perder a  ovelha, pois, o lucro que aquela ovelha dá, faz com que seja molestada, isto é: acariciada, [passa-se a mão na cabeça], e isso se configura [MOLÉSTIA], que o Senhor nos ensina a curar.

Quando fazemos a aliança com o Senhor Jesus, e com essa aliança, virmos a servi-lo na visão do Reino; a nossa vida toma um outro rumo, pois, o Espírito nos auxiliará em todas as coisas.

Mas, precisamos entender, compreender, e tomar a atitude que configura, e que caracteriza estar sendo aceito no seu Reino.

Assim está escrito: E também, agora, está posto o machado à raiz das árvores; toda árvore, pois, que não produz bom fruto é cortada e lançada no fogo. (Mateus 3. 10).

Entendimento para nós: Querendo você concordar ou não, há um machado [invisível, mas, real], nos seus pés, isto é: Se você não vier a dar bom fruto, e, o bom fruto é a mudança da sua vida, pois, mudando a sua vida, contagiará as demais pessoas ao seu redor, sendo o suficiente para trazê-los ao conhecimento do Reino do Senhor Jesus.

Quando diz que se não dermos bom fruto seremos cortados e lançados no fogo. Esse fogo não é o inferno, pois, estamos falando do Reino de Jesus, e, não, do julgamento.


Esse fogo, são pessoas que por não conhecerem, e, por ainda não compreenderem como funciona o Reino, e por não saberem como proceder, ou procedendo de forma equivocada, foram parar no fogo, isto é: A vida está ardendo, há um "fogo", deteriorando, levando às cinzas, os sonhos, os planos, os objetivos; e em outras palavras: Estão se queimando por não receberem a sábia  direção.

E o Senhor  não vai abençoar as pessoas por dó, pois, se assim agir, perde-se, e, ou torna-se vã, o que estipulou nas Escrituras.

Assim está escrito: Toda vara em mim que não dá fruto, a corta; e limpa toda toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto. (João 15. 2).

Pois bem: Veja que não está a tratar conosco por dó, e, as varas  somos  nós, e se não dermos bom fruto, seremos cortado. Mas, cortado do que? Do Reino do Senhor Jesus; você pode fazer parte da igreja que escolher, da igreja que quiser, mas, o verdadeiro sentido espiritualmente falando é: Você está sendo chamado para fazer parte do Reino do Senhor Jesus, e esse Reino, começa aqui na terra.

Se por uma, ou várias situações estiver passando por privações; dê glórias a Deus, pois foi por permissão do Senhor que veio a estar nessa situação. Para que veja, e sinta a necessidade da mudança da sua vida.

Assim está escrito: Porque há esperança para a árvore, que se for cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus renovos. Se envelhecer na terra a sua raiz, e morrer o seu tronco no pó, ao cheiro da águas [PREGAÇÃO DA PALAVRA], brotará e dará ramos como a planta. (Jó 14. 7, 8, 9).

Note que, há solução para os problemas que possa estar passando, porém, verás tudo ser transformado, quando tomar a atitude de se entregar no Altar de forma completa e verdadeira, e compreendendo o funcionamento do Reino do Senhor Rei Jesus.

No Reino do Senhor Jesus, você passa a ter direitos e deveres.

É de seu direito colher as promessas que lhes pertence contidas nas Escrituras, mas, também é do seu dever cumprir as regras, estatutos, e normas por assim determinadas.

Quando isso entra em comunhão [PLENO COMUM ACORDO], você terá a transformação da sua vida, lembrando que: O Reino do Senhor Jesus não é para muitos, e, sim, para aqueles que verdadeiramente quer se enquadrar nos seus quesitos.

Assim está escrito: Não temas, ó pequeno rebanho, porque a vosso Pai agradou dar-vos o Reino.(Lucas 12. 32).

Então, o Reino está disponível àqueles que verdadeiramente trás consigo uma vontade de mudança, mas, já de antemão, sabendo que não crescerá sozinho.

Assim disse o Rei Jesus: Eu sou a videira, vós, as varas, quem está em mim [NA MINHA VISÃO], e eu nele [COMPREENDENDO A PALAVRA], este dá muito fruto, porque sem mim nada podereis fazer. (João 15. 5).

Entenderam! Se não estivermos na visão do seu Reino, e se não submetermos à sua palavra, de maneira alguma entraremos no seu Reino. Não estou com isso dizendo que que não será salvo. Uma coisa é participar do Reino de Jesus, outra coisa é a salvação, dada pela [GRAÇA].

Mas, como não querer fazer parte do seu Reino? pois, é só assim, e dessa maneira que a sua vida irá mudar, pois, se ele abençoasse fora do entendimento do Reino, todos então não atentaria para esse ensinamento, tonando-a, "VÃ".

No dia dezessete do mês de setembro, estaremos a abrir o propósito de fé,  de vinte e um dia. Mas, porquê, vinte e um dias? O Senhor separou para ele o número sete por perfeição. Daí, o porquê dos vinte um dias, pois estaremos a presenteá-lo, e não podemos deixar nenhum sem ser presenteado. Sendo sete, para o Pai, sete, para o Filho, e, sete, para o Espírito Santo. 

Dessa maneira tiraremos virtude do Senhor, isto é: Estaremos entregando para o Senhor, e demostrando que não estamos agarrado naquilo que todas as pessoas estão; onde caracteriza, que estão ainda servindo a Mamom. E, ainda contribuindo para um grande problema que ainda possa vir acarretar-nos.

Assim disse o Senhor Rei Jesus: Portanto, eu vos digo que o Reino de Deus vos será tirado e será dado a uma outra nação que dê os seus frutos. (Mateus 21. 43).

Note que a situação é gravíssima, o Senhor não está de brincadeira, sabe que o nosso País é emergente, sabe que nos abençoou com toda a sorte de benção. E, com toda essas bençãos, não seria para tornarmos egoístas, corruptos, calhando um ditado que diz: [VENHA À NÓS, E VOSSO REINO NADA], estamos sendo chamados para operarmos em equipe, isto é: [A VERDADEIRA IGREJA DO REINO DO SENHOR REI JESUS CRISTO EM AÇÃO], que, querendo você, certamente se apresentará com a sua oferta alçada entre os dias, isto é, desde o dia 17/ 09 ás 08:00hs, domingo, e terminando dia 07/09 ás 23:59hs, sábado.

Lembrando que se não agir dessa maneira, o que começou pelo propósito de oferta alçada, pode-se descaracterizar pela oferta voluntária, onde o Senhor não operará.

Não entre numa visão de barganha, não entre numa visão de arriscar, não entre numa visão de pescaria, não entre numa visão de ficar rico, não entre sem o conhecimento do seu conjugue, salvo as idôneas, pois, a oferta alçada foi inspirada na intenção de alcançar três propósitos, que se configura a obra do Senhor aqui na terra.

Primeiro: O Senhor há de ser glorificado, embora já sendo, mas, ele quer  glória de hoje sendo exteriorizada do fundo da sua alma.

Segundo: Isso vai acontecer porque irá mudar a sua vida, pois agora o serve em espírito, e, em verdade, que é o que o Senhor Rei Jesus está a procurar.

Terceiro: Com tudo isso de bom acontecendo, a igreja do Reino do Senhor Rei Jesus, avança, tanto em pessoas que cultuarão com cultos racionais, como em recursos, pois, depende de nós fazer o Reino crescer través de nos colocarmos na posição, e se tornando um dos tais no seu Reino.

Acesse, ligue, pergunte.

Nosso maior interesse é vê-lo reinando no Reino, com entendimento, e sendo útil dentro dele, com isso te porá por cabeça.

Que o Senhor te abençoe.

Ministro Sérgio José.

Em Cristo Jesus.


Pra pensar: "O que mais precisamos na vida, é alguém que nos leve a realizar o que podemos fazer. Nisto reside a função da I.G.R.E.J.A".